Procurar termo

Componentes e sistemas para maior rigidez e maiores cargas Soluções de rolamento e sistemas dinâmicos de movimento para a automatização baseada nos robôs

Pressrelease Stage Image
Perfeitamente indicadas para espaços construtivos reduzidos graças à sua grande capacidade de carga e rigidez em combinação com uma pequena secção transversal de rolamento: os rolamentos de rolos cruzados INA da série XSU.

05-08-2019 | Sant Just Desvern

  • A Schaeffler oferece o tipo adequado de rolamento para cada articulação do robô
  • Rolamentos de rolos cruzados otimizados e rolamentos de rolos de contacto angular de duas carreiras para uma maior rigidez
  • Rentáveis, dinâmicos e precisos: os sistemas de eixos cartesianos complementam o programa de produtos para a robótica

Os robots industriais impuseram-se na corrida por soluções eficientes de automatização eficientes para uma ampla variedade de tarefas de manipulação e maquinação. Para isso contribuíram quer o número crescente de unidades como a queda nos custos de aquisição relacionados, assim como os progressos técnicos em termos de rigidez e as possíveis cargas. Os rolamentos dos braços articulados desempenham um papel decisivo para a capacidade de carga, a dinâmica e a precisão dos robôs. A Schaeffler oferece soluções para cada um dos seis eixos com os seus requisitos específicos.

Rolamentos de juntas rotativas para robôs de braço articulado
Os rolamentos da articulação inferior dos eixos 1 e 2 de um robô absorve todo o peso e os momentos máximos de inclinação. Outra complicação acrescida é que as inclinações no rolamento se multiplicam até ao ponto central da ferramenta (Tool Center Point, TCP). Para esta problemática, a Schaeffler oferece os rolamentos axiais de esferas de contacto angular de duas carreiras ZKLDF, de grande rigidez perante a inclinação e muito conhecidos no âmbito das máquinas-ferramenta. Os anéis maciços destes rolamentos são aparafusados na construção anexa.

Os eixos 3 e 4 continuam a suportar uma parte importante do braço do robô, mas o espaço construtivo da articulação já está muito restringido. Por isso, é requerida uma alta capacidade de carga e uma grande rigidez em combinação com uma pequena secção transversal do rolamento. Os engenheiros da Schaeffler otimizaram os rolamentos de rolos cruzados INA da série XSU para satisfazer os crescentes requisitos dos clientes. Um grau de enchimento especialmente elevado com rolos cilíndricos assegura uma maior rigidez.

Os rolamentos de duas carreiras, particularmente na disposição em O, oferecem um grande potencial para apoios extremamente resistentes às inclinações devido à grande largura de suporte num espaço construtivo axial muito reduzido. Os rolamentos de rolos de contacto angular FAG da série SGL também dispõem de um contacto de rolo muito rígido. A Schaeffler recomenda uma combinação de ambos os produtos, em particular para os eixos 5 e 6 de braços articulados com os diâmetros reduzidos. Os rolamentos SGL podem ser integrados com grande flexibilidade no espaço construtivo existente entre a transmissão do robô e a carcaça devido à secção transversal reduzida.

O sétimo eixo: o braço estendido
O chamado sétimo eixo é frequentemente usado para ampliar a faixa de trabalho dos robôs industriais ou possibilitar uma maior deslocação dos mesmos: o robô montado num carro do eixo linear move-se de um lado para outro entre as diversas máquinas-ferramenta ou estações e os armazéns e sistemas de paletização. Neste contexto, as guias lineares de seis carreiras de esferas KUSE em execução X-life são especialmente indicadas como guia linear. Oferece uma duração de vida útil nominal particularmente elevada, um consumo reduzido de lubrificante e uma pulsação de carreira excecionalmente baixa. Este guia linear de seis carreiras conta com uma extraordinária capacidade de carga na direção de pressão e, por isso, está adequada para utilizar em combinação com os acionamentos diretos. Para maximizar a disponibilidade de toda a célula de produção através de X máquinas-ferramenta, a Schaeffler oferece opcionalmente o conceito DuraSense para as suas guias lineares. Os sensores integrados DuraSense permitem a lubrificação automática ou a monitorização das condições de lubrificação dos carros. O risco de paragens não programadas devidas ao desgaste e lubrificação deficiente é consideravelmente reduzido.

Os sistemas cartesianos: rentáveis, dinâmicos e precisos
Nem sempre é necessário utilizar um robô caro para a manipulação de peças e ferramentas. Estas tarefas ainda são executadas com muita frequência por sistemas de eixos cartesianos, que são compostos por módulos lineares combináveis. Neste campo, a Schaeffler conta com um programa muito completo de módulos lineares INA e unidades lineares acionadas. Os módulos lineares com funções especiais ampliam a gama de aplicações. Por exemplo, os módulos telescópicos MTKUSE facilitam a transferência para secções situadas atrás de barreiras de proteção ou em áreas de trabalho separadas.

Editor: Schaeffler Iberia, S.L.U.
País: Portugal

Meios relacionados
Downloads

Comunicados de imprensa

Pacote (Comunicado de imprensa + meios)

Partilhar página

A Schaeffler aplica os cookies para garantir o melhor uso possível. Ao usar este b site você estará concordando com a aplicação destes cookies. Mais informações

Aceitar