Procurar termo

Automotive OEM

Um parceiro de sistemas para a indústria automóvel

Os engenheiros da Schaeffler desenvolvem inúmeras tecnologias que permitem que os seus veículos sejam limpos e consumam menos combustível. Não importa se o trem de força possui um motor de combustão, híbrido ou totalmente elétrico: a combinação desempenha um papel importante no mundo da mobilidade global de amanhã. Enquanto parceiro da indústria automóvel, estamos na linha da frente do desenvolvimento e produção de soluções de sistemas para os mais exigentes requisitos que se avizinham. A nossa proximidade com os clientes em todo o mundo e o nosso trabalho de desenvolvimento comum caracterizam a Schaeffler. As ideias inovadoras, a engenharia criativa e o know-how de produção abrangente permitem-nos desenvolver soluções que vão desde o desenvolvimento do produto até à sua produção em série.

Schaeffler e a mobilidade elétrica

Os acionamentos elétricos podem ter uma contribuição decisiva em proporcionar uma mobilidade sustentável e na redução das emissões nas metrópoles. Mesmo devido ao contexto legislativo de objetivos de emissões cada vez mais rígidos e a uma necessidade crescente de mobilidade em todo o mundo, todos os caminhos passam pela eletrificação do trem de força. Enquanto parceiro da indústria automóvel, a Schaeffler tem acompanhado esta evolução e fornece aos seus clientes soluções que abrangem todo o espetro de opções de eletrificação – desde módulos híbridos de 48 V, passando por módulos híbridos plug-in até veículos totalmente elétricos. As soluções detalhadas incluem componentes e sistemas para a hibridação de entrada, passando por módulos híbridos e acionamentos do eixo elétricos até acionamentos de cubo de roda elétricos.

Acionamentos de 48 V

A mobilidade tem de continuar a ser acessível, mesmo na era do elétrico. Em muitas classes de veículo e marcas, a base para a mobilidade individual ainda continua a ser um motor de combustão com consumo otimizado. Os módulos de acionamento de 48 V da Schaeffler permitem, dependendo da configuração, obter uma poupança de 20% do combustível a preços moderados. Uma arquitetura de acionamento de 48 V, em que, p. ex., um motor elétrico é colocado como "eixo elétrico" no eixo traseiro, permite realizar uma condução elétrica a baixas velocidades, como nas manobras de estacionamento. Os módulos híbridos P2 da Schaeffler para aplicações de 48 V também permitem reduzir o consumo e as emissões. Os nossos componentes e sistemas de ponta para a hibridação de entrada permitem à empresa alargar as suas perspetivas relativas a transmissões manuais e pavimentar o caminho de entrada de acionamentos hibridizados em novos mercados e segmentos.

Acionamentos híbridos plug-in (alta tensão)

Para obter uma redução do consumo em veículos potentes e grandes, quase todos os fabricantes de veículos recorrem ao conceito de híbrido plug-in. Neste caso, o motor de combustão é utilizado em conjunto com um potente acionamento elétrico. A Schaeffler desenvolve módulos híbridos em diferentes classes de binário para montagem entre o motor e a transmissão (disposição P2) – ou como módulo de eixo separado (disposição P4). Todos os conceitos de acionamento de alta tensão asseguram, assim, um interessante potencial de redução do CO2.

Acionamentos para veículos totalmente elétricos

Nos próximos anos, irá surgir, principalmente na China e na Europa, mas também em zonas urbanas, um mercado para veículos totalmente elétricos a bateria. O portfólio de produtos da Schaeffler já inclui soluções de acionamento prontas para a produção em série para esse tipo de veículos. Isto permite que os eixos elétricos da Schaeffler possam ser usados em veículos totalmente elétricos. Os eixos elétricos assinalam a entrada neste grupo de produtos, com uma relação de transmissão simples de eixos paralelos ou coaxial. A configuração básica pode ser expandida com elementos funcionais adicionais. Isto permite, por exemplo, integrar um bloqueio de estacionamento quando necessário. Além desta, também é possível um fornecimento com um segundo acionamento, mais pequeno, o que permite instalar um designado Torque Vectoring – uma mais-valia em termos de dinâmica de condução e segurança.

Conceitos de futuro visionários

A mobilidade urbana de amanhã também já está na agenda da Schaeffler. Com o designado "E-Wheel Drive" (acionamento de cubo de roda), a empresa mostra como a tecnologia de acionamento pode ser transferida para a roda e, desse modo, ajustar a tornar possível conceitos de mobilidade completamente novos. Os acionamentos de cubo de roda estão, por exemplo, particularmente bem colocados para serem usados em táxis robóticos – isto é, veículos de passageiros extremamente ágeis e autónomos, que, no futuro, irão poder transportar os cidadãos de grandes cidades em trajetos curtos.

Posições de montagem de acionamentos elétricos no trem de força

O local de montagem de acionamentos elétricos no trem de força do veículo tem uma enorme influência na funcionalidade. No total, existem cinco posições de montagem diferentes, que são identificadas com as abreviaturas P0 a P4. A Schaeffler fornece os produtos adequados para cada posição de montagem.

Transferência de tecnologia: a Schaeffler na fórmula E

Entre outros, a participação no campeonato de automobilismo "FIA Fórmula E" também é usado como laboratório de desenvolvimento para um futuro acionamento elétrico de série. A Schaeffler é o parceiro tecnológico exclusivo da equipa Abt Schaeffler Audi Sport e é responsável pelo trem de força do carro de corrida elétrico "Abt Schaeffler FE02".

Não importa se se trata do entendimento do sistema, refrigeração do motor, desenvolvimento de novos materiais ou recuperação (recuperação da energia de travagem) – aplica-se o seguinte: O know-how passa diretamente da pista de corrida para os departamentos de desenvolvimento. A Schaeffler duplicou, em pouco tempo, a equipa de desenvolvimento de componentes para veículos elétricos e trabalha com enorme pressão em novas soluções que permitam eletrificar o trem de força de veículos produzidos em série.

A Schaeffler utiliza a Fórmula E como terreno de ensaios para o desenvolvimento de tecnologias de acionamento avançadas para o mercado automóvel.
A Schaeffler utiliza a Fórmula E como terreno de ensaios para o desenvolvimento de tecnologias de acionamento avançadas para o mercado automóvel.

Novos conceitos de mobilidade

A Schaeffler também reflete em novos conceitos de mobilidade que vão para além do automóvel. Nesse sentido, apresentou em 2016 pela primeira vez o Bio-Híbrido – um conceito que, no que diz respeito ao tamanho e autonomia, se encontra entre um Pedelec e um pequeno veículo elétrico.

O inovador Bio-Híbrido combina as vantagens de estabilidade e proteção contra as intempéries com o consumo de energia e utilização de espaço de um Pedelec. Além disso, pode ser integrado como meio de transporte na infraestrutura existente. Esta forma de mobilidade visionária também permite antever por exemplo, no final da linha, variantes de carga para o transporte de mercadorias.

O Bio-Híbrido desenvolvido pela Schaeffler é uma alternativa ecológica para o cada vez mais intenso trânsito citadino.
O Bio-Híbrido desenvolvido pela Schaeffler é uma alternativa ecológica para o cada vez mais intenso trânsito citadino.

Demonstração de inovação e entendimento do sistema

Menor consumo, menos emissões. Mais potência, conforto e segurança. Os carros-conceito do Grupo Schaeffler estão repletos de tecnologia inovadora para motores de combustão, híbridos e totalmente elétricos. Para obter uma conjugação ideal dos produtos, a empresa combina um profundo know-how dos componentes com um entendimento abrangente do sistema. É assim que o Grupo Schaeffler consegue fornecer sempre o melhor pacote de potência possível. Os carros-conceito são uma expressão desta diversidade orientada para os resultados com que a Schaeffler acompanha os seus clientes. Isto porque o futuro da mobilidade encerra muitas possibilidades.

Carro-conceito Schaeffler High Performance 48 Volt
Carro-conceito Schaeffler High Performance 48 Volt

Carro-conceito Schaeffler High Performance 48 Volt

Este carro-conceito altamente tecnológico apresenta uma arquitetura de acionamento em que o motor elétrico se encontra no eixo traseiro, sob a forma de "eixo elétrico". O acionamento elétrico disponibiliza uma potência contínua de 20 kW e permite uma condução totalmente elétrica até 35 km/h e uma "condução de cruzeiro" a velocidades superiores a 70 km/h.

Carro-conceito Gasoline Technology Car (GTC II)
Carro-conceito Gasoline Technology Car (GTC II)

Carro-conceito Gasoline Technology Car (GTC II)

O GTC II mostra o potencial da hibridação de 48 V num veículo com transmissão manual. A máquina elétrica está integrada entre o motor de combustão e a transmissão. Uma embraiagem elétrica proporciona funções adicionais, como um arranque elétrico e uma recuperação quase até parar.

A tecnologia certa para cada mercado: os carros-conceito Efficient-Future-Mobility

Os carros-conceito Efficient-Future-Mobility possuem soluções tecnológicas para as exigências regionais. Por exemplo, o "Efficient Future Mobility North America":

  • Tração integral desacoplável
  • Motor de arranque permanentemente engatado
  • Regulação do nível
  • Hibridação de 48 V
Efficient Future Mobility North America
Carro-conceito "Efficient Future Mobility North America"
Partilhar página

A Schaeffler aplica os cookies para garantir o melhor uso possível. Ao usar este b site você estará concordando com a aplicação destes cookies. Mais informações

Aceitar